Pelos, para que tê los?

0
656

 

O verão chegou, e com ele a depilação vem com tudo!  Escolher o melhor método para depilar é crucial para o seu controle, pois depende dele o crescimento mais lento e a espessura dos pêlos.

A técnica mais utilizada pelas clínicas especializadas é a cera quente ou fria, que retira o bulbo (raiz do pêlo). A sua ação é recomendada quinzenalmente e a escolha da cera varia de acordo com o tipo de pele, a mais comum é a cera de Mel.

image

Para as que preferem fazer a depilação em casa, a dica é apostar no creme depilatório. Fácil de manusear e eficaz, ele é vendido em qualquer perfumaria, é só aplicar, deixar alguns minutinhos e retirar. A ação dele é cortar o pêlo sem sensibilizar tanto a pele como a lâmina de barbear.

imageO método mais eficaz e com efeito a longo prazo é a tecnologia a Laser. As sessões variam de acordo com o tipo de fio e quantidade. Elas são realizadas a cada 30 ou 45 dias de forma sequencial. Já nas primeiras aplicações é possível ver os resultados. Este tratamento exige cuidado com a exposição ao sol, pois pode manchar a região em tratamento.

E para finalizar essa gama de opções, temos a boa e pratica lâmina de barbear. Não é um método recomendado, porém muitas mulher ainda o utilizam por sua facilidade e praticidade.  Importante lembrar que a depilação é uma agressão externa a nossa pele, e por isso devemos cuidar das regiões tratadas: sempre hidratar e proteger com filtro solar após a sessão. Uma dica para evitar a foliculite que são os “pêlos encravados” é fazer uma esfoliação na região a ser depilada um dia antes.
image
Por Mirina Bedim
Fotos: divulgação